Dicas de leitura de grandes clássicos da literatura brasileira, que enfocam os ambientes da caatinga.

Deixarei registrado aqui, algumas dicas de leitura de grandes clássicos da literatura brasileira, que abordam a caatinga como palco de suas narrativas.

As obras “Vidas Secas”, do ilustre autor Graciliano Ramos e “Os Sertões”do grande Euclides da Cunha, narram com riqueza de detalhes os ambientes hostis da caatinga e a sua influência na vida dos sertanejos que ali vivem.

Além de descreverem de forma brilhante a caatinga, fazem alusões aos problemas sociais, como a exclusão social, a miséria, temas ainda tão atuais na sociedade brasileira.

Tais obras, são ricas interpretações,que trazem elementos históricos, culturais, psicológicos, estabelecendo assim, várias reflexões.

Enfim, não deixem de ler essas grandes obras e como eu disse, através dessa leitura terão oportunidade de conhecer, com minuciosos detalhes , os ambientes da nossa caatinga, bioma exclusivamente brasileiro.

O que estão esperando? Leiam logo.

Publicado em 9º Ano E em | Deixar um comentário

Deus criou a natureza, todas as plantas e animais e nos
deixou o mandamento de cuidar e guardar a sua criação. Da
Amazônia até os Pampas, do Cerrado aos Manguezais… Deus
criou tudo com muita dedicação. Temos a graça de ter esse dom
que nos acolhe e dá o pão.

Em todos os biomas podemos perceber quão grande é o olhar
do Pai sobre nós quando vemos a vida e como muitos animais e
plantas conseguem se adaptar aos diferentes e desafiadores
lugares do bioma em que se encontram. Muitos desses biomas
sofrem com a ação humana que também precisa de tais recursos
para sua sobrevivência, mas não preserva o bem de todos.

Precisamos parar de olhar para esses bens sagrados com
ganância ou ambição e entrar na luta contra o consumismo, o
desperdício e a indiferença. Afinal, a ação antrópica vem
destruindo, ano após ano, a nossa Mãe Terra e já estamos sentindo
as consequências disso.

Segundo o Papa Francisco, “o criador foi pródigo com o
Brasil. Concedeu-lhe uma diversidade de biomas que lhe confere
extraordinária beleza. Mas, infelizmente, os sinais da agressão à
criação e da degradação da natureza também estão presentes”.
Ainda dá tempo reverter essa situação! Somos todos
convidados a cuidar da criação, de modo especial dos biomas
brasileiros, pois são dons de Deus e bens sagrados, bem como
respeitar a diversidade natural que se manifesta em cada um deles.

Além disso, ao tomarmos consciência da situação de agressão à
criação de Deus em cada lugar, não podemos ficar indiferentes à
sua agressão e degradação, que estão acompanhadas pelas
injustiças sociais. Sem dúvida nenhuma, com consciência e atitude
ecológicas, as pessoas e a natureza podem viver na mais perfeita
harmonia, da maneira como Deus planejou.

Publicado em 9º Ano E em | Deixar um comentário

Cresce hoje em muitas pessoas, uma nova maneira de ver a vida. É a consciência de que somos terra, somos água, somos o ar que infla nossos pulmões, a energia que eletriza nosso corpo. Somos animais que pensam, sonham e cuidam. Somos parte da natureza, somos criaturas, portanto, somos biomas. Rezar, refletir e discutir sobre os biomas é falar de nós mesmos, de nossa espiritualidade. Resumidamente nós somos biomas quando deixamos transparecer suas características na nossa cultura. Em cada bioma temos a sua maneira de expressar a cultura como podemos ver abaixo :

Amazônia

Caatinga

Pantanal

Pampas

Cerrado

Mata Atlântica

 

Assim podemos concluir que em cada Bioma temos a sua maneira de expressar-se por meio de artes que vão de pinturas ao artesanato, feitos por pessoas que vivem próximas aos biomas e muitas vezes até vivem nele. Assim eles acabam se tornando biomas em visão artística e em visão humana.

 

Publicado em 9º Ano E em | Deixar um comentário